Piloto do Solar Impulse 2 vê icebergs e baleias no Atlântico

Nova York, 21 Jun 2016 (AFP) - O avião Solar Impulse 2 sobrevoava o Atlântico nesta terça-feira, com céu azul e sol radiante, rumo à Espanha, após ter decolado na véspera em Nova York, em uma das etapas mais difíceis de uma volta ao mundo inédita usando energia solar como único combustível.

"Acabo de acordar da sesta, um pouco cansado ainda, mas contente de ver o amanhecer sentado no meu pequeno #si2", escreveu nesta terça-feira no Twitter o piloto suíço Bertrand Piccard, que realiza este voo para promover as energias renováveis.

O Solar Impulse 2 iniciou o voo na segunda-feira no aeroporto John F. Kennedy, em Nova York, e demorará entre 90 e 110 horas para chegar ao destino desta 15ª etapa, o aeroporto de Sevilha, na Espanha.

Ao amanhecer, as baterias do avião voltaram a se recarregar, após uma noite de voo alimentada pela energia gerada nas suas 17.000 células fotovoltaicas.

"Não vão acreditar em mim, mas à minha direita vejo um iceberg no oceano Atlântico. Olhem!", relatou Piccard no blog que compartilha com o outro piloto do Solar Impulse 2, seu compatriota André Borschberg.

Na sua primeira jornada sobre o Atlântico, Piccard viu baleias saltando sobre a água e uma maravilhosa lua cheia durante a noite, entre outras coisas.

Às 10h30 desta terça-feira (horário de Brasília), o avião completou mais de um terço do trajeto - 2.500 km em um dia e cinco horas, informou o Solar Impulse.

Com o peso de um carro e uma envergadura de 72 metros, a aeronave voa a uma velocidade que geralmente não passa de 50 km/h, mas que pode dobrar com uma exposição direta ao sol.

Por ser leve (1,5 toneladas), o Solar Impulse 2 é muito sensível às turbulências.

O Solar Impulse 2 realiza sua volta ao mundo de 35.400 km em etapas, nas quais Piccard e Borschberg se revezam para pilotar este avião de quatro hélices.

Em sua etapa mais longa, o Solar Impulse 2 voou 118 horas de Nagoya (Japão) até a ilha americana do Havaí.

O piloto André Borschberg foi o responsável por conduzir a aeronave durante essa longa etapa, de 6.437 quilômetros, sobre o Pacífico ocidental, na qual foi batido o recorde de voo ininterrupto mais longo da história.

bur-sg/sst/fr/db/mvv

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos