Venezuela acusa chefe da OEA de dificultar diálogo com oposição

Washington, 21 Jun 2016 (AFP) - A chanceler venezuelana, Delcy Rodríguez, acusou nesta terça-feira o secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), Luis Almagro, de "obstaculizar" a iniciativa de diálogo promovida pela Unasul, ao ativar a Carta Democrática Interamericana.

"Vocês sabem por que um setor radical da direita venezuelana não se sentou para dialogar? Porque o secretário-geral lhes ofereceu a aplicação da Carta Democrática na Venezuela no dia 23", disse Rodríguez durante uma sessão extraordinária da OEA, em Washington.

A reunião do Conselho Permanente foi convocada para escutar o ex-governante espanhol José Luis Rodríguez Zapatero, que expôs a iniciativa de mediação que conduz junto aos ex-presidentes Leonel Fernández da República Dominicana e Martín Torrijos do Panamá, para concretizar um diálogo entre o governo e a oposição na Venezuela.

Mas segundo Rodríguez, Almagro, que assinalou "desconhecer" o governo do presidente Nicolás Maduro, estaria dando a entender aos opositores venezuelanos "que não faz falta nenhum diálogo". "Obstaculiza o diálogo na Venezuela", disse.

O Conselho Permanente se reunirá na quinta-feira, por convocação de Almagro, para discutir a possibilidade da implementação da Carta Democrática na Venezuela, após um impactante informe do secretário-geral sobre a crise institucional e econômica no país petroleiro.

Mas a Venezuela solicitou cancelar a reunião e declarar a inadmissibilidade da solicitação de Almagro, enquanto chamou os países da região para respaldarem a iniciativa dos ex-presidentes.

"Deixem que este processo de diálogo, se tem interesse sincero nele, deixem que prospere, deixem que avance, deixem que os ex-presidentes e a Unasul façam o seu trabalho", apontou.

Representantes do governo venezuelano e a oposição iniciaram tímidas aproximações no fim de maio na República Dominicana, onde se reuniram separadamente com a comissão de ex-presidentes que tratava de sentá-los, ainda sem êxito, à mesa de conversações.

"Passou apenas um mês", disse a chanceler venezuelana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos