Cathay Pacific anuncia que não transportará mais barbatanas de tubarão

Hong Kong, 23 Jun 2016 (AFP) - A companhia aérea Cathay Pacific, de Hong Kong, anunciou que não transportará mais barbatanas de tubarão, uma decisão comemorada pelas organizações de proteção das espécies ameaçadas.

"Temos a alegria de anunciar a proibição do transporte de barbatanas de tubarão, com efeito imediato", afirmou a empresa em um comunicado.

Hong Kong é um dos principais mercados mundiais da barbatana de tubarão, apreciada por muitos asiáticos e geralmente servida com uma sopa em banquetes de luxo.

De acordo com a ONG Greenpeace, mais de 70 milhões de tubarões morrem a cada ano por suas barbatanas e muitas espécies estão ameaçadas.

Há vários anos muitas organizações pediam a Cathay que não transportasse mais as barbatanas de tubarão, seguindo o exemplo de companhias como a Thai Airways e a Philippine Airlines.

Em 2013, o governo do território anunciou que não serviria mais barbatanas de tubarão nem atum vermelho em recepções oficiais para dar o "bom exemplo" na luta pela proteção de espécies ameaçadas.

De acordo com a WWF, 457 toneladas de produtos de tubarão foram importadas por via aérea em Hong Kong em 2015, 31% a menos que em 2014.

at/fp

CATHAY PACIFIC AIRWAYS

THAI AIRWAYS INTERNATIONAL

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos