Boris Johnson não quer pressa para negociar saída da UE

Londres, 24 Jun 2016 (AFP) - Um dos líderes da campanha pela saída do Reino Unido da União Europeia, o ex-prefeito de Londres Boris Johnson, afirmou nesta sexta-feira que "não há necessidade de pressa" para negociar a decisão inédita.

A União Europeia "foi uma ideia nobre em sua época", mas "não era mais correta para este país", afirmou Johnson, em uma entrevista coletiva.

"Agora temos uma oportunidade gloriosa para aprovar nossas leis e fixar nossos impostos de acordo com as necessidades do Reino Unido", completou o líder anti-UE dentro do Partido Conservador.

Johnson prestou homenagem ao primeiro-ministro David Cameron, que decidiu convocar o referendo que resultou na vitória do Brexit, por 51,9% votos contra 48,1%.

Cameron anunciou que vai deixar o cargo em outubro.

Os presidentes das instituições europeias pediram em um comunicado conjunto ao governo britânico que torne efetiva a decisão dos britânicos "o mais rápido possível" e que inicie o processo de saída da UE.

Negociações de saída nunca foram realizadas até hoje no bloco europeu.

"Agora esperamos que o governo do Reino Unido torne efetiva a decisão do povo britânico o mais rápido possível, por mais doloroso que possa ser este processo", afirma o comunicado.

dt-kah/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos