Ataque a campo de deslocados mata três no Iraque

Bagdá, 5 Jul 2016 (AFP) - Ao menos três pessoas morreram, e outras 11 ficaram feridas, nesta terça-feira (5), durante um ataque com foguete, ou morteiro, contra um campo de deslocados iraquianos no sul de Bagdá - informaram autoridades locais.

"Nós condenamos esse covarde ataque a um campo de famílias deslocadas que matou crianças", declarou em nota o representante do Alto Comissariado para os Refugiados da ONU para o Iraque, Bruno Geddo.

Segundo a ONU, duas das vítimas fatais tinham 10 e 16 anos.

Esse campo acolhe cerca de 6.000 pessoas que fugiram dos combates nas províncias de Salahedine, ao norte de Bagdá, e de Al-Anbar, ao oeste da capital iraquiana, de acordo com as Nações Unidas.

Essas duas províncias foram palco de combates violentos entre as forças iraquianas e os extremistas do grupo Estado Islâmico (EI), depois que estes últimos assumiram o controle de amplas faixas do território iraquiano há dois anos.

bur-wd/bpe/tt/lr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos