França considera impossível fechar acordo de livre comércio UE-EUA em 2016

Paris, 5 Jul 2016 (AFP) - A França considera "impossível" concluir este ano um acordo de livre comércio entre União Europeia e Estados Unidos, afirmou à AFP o secretário de Estado de Comércio Exterior, Mathias Fekl.

"Penso que um acordo em 2016 é impossível e todo mundo sabe muito bem", disse o secretário.

"Hoje continuamos esperando tantas ofertas sérias da parte dos Estados Unidos que não há nenhuma possibilidade de que as coisas sejam concluídas antes do fim do governo Obama", completou Fekl.

A eleição presidencial dos Estados Unidos acontecerá em novembro e Barack Obama deixará o cargo em janeiro de 2017.

"Em uma negociação não há nada pior que começar dizendo 'queremos concluir a qualquer preço'", declarou Fekl, que prefere "um bom acordo, um acordo exigente com coisas positivas para o emprego na França e para os trabalhadores".

"Não serei eu o secretário de Estado de Comércio Exterior que vai ao Parlamento vender a qualquer preço um acordo que considere ruim ou insatisfatório para nosso país".

Apesar da oposição de Paris e da incerteza criada pelo Brexit, o governo dos Estados Unidos repetiu na semana passada que deseja concluir até o fim do ano as negociações com a UE sobre o acordo transatlântico de livre comércio, conhecido como TTIP ou Tafta.

edy-arz/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos