Abbas pede que Conselho de Segurança da ONU rejeite informe do Quarteto

Ramallah, Territórios palestinos, 6 Jul 2016 (AFP) - O presidente da Autoridade Palestina, Mahmud Abbas, pediu nesta quarta-feira ao Conselho de Segurança da ONU para rejeitar as conclusões do Quarteto para o Oriente Médio que responsabiliza israelenses e palestinos pela estagnação do processo de paz.

Em um relatório divulgado na sexta-feira, o Quarteto, que inclui a União Europeia, a Rússia, os Estados Unidos e as Nações Unidas, pediu aos israelenses que renunciassem à colonização e aos palestinos que parassem a violência, o que impede progressos no sentido de uma solução de dois Estados.

Este documento, que visa revitalizar o processo de paz, num impasse desde abril de 2014, será apresentado ao Conselho de Segurança da ONU nas próximas semanas.

Mas tanto israelenses quanto palestinos criticaram o texto.

Em um comunicado, Abbas disse que o relatório "não faz avançar a causa da paz" e afirmou esperar que o Conselho de Segurança não se apoie nestas conclusões.

Saeb Erekat, número dois da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), condenou o que considerou "uma tentativa de igualar as responsabilidades das pessoas vítimas da ocupação e as forças de ocupação estrangeira".

na-jod/mjs/dar/bpe/es/pc/mr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos