ONU: 36.000 deslocados no Sudão do sul por combates

Genebra, 12 Jul 2016 (AFP) - Ao menos 36.000 pessoas foram obrigadas a abandonar suas casas pelos combates no Sudão do Sul desde sexta-feira, informou nesta terça-feira a ONU, após quatro dias de confrontos violentos na capital Juba entre as forças oficiais e o grupo de ex-rebeldes.

"Os últimos combates desde sexta-feira provocaram o deslocamento de 36.000 pessoas", afirmou a porta-voz do Escritório de Coordenação de Assuntos Humanitários da ONU (OCHA), Vanessa Huguenin.

Ela disse que o número de deslocados pode aumentar, de acordo com a volatilidade da situação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos