Três cargueiros chineses transitarão pelo Ártico no verão

Xangai, 18 Jul 2016 (AFP) - Três cargueiros da companhia de navegação chinesa Cosco transitarão neste verão (no hemisfério norte) pelo Ártico, indicou a companhia, que quer integrar ao seu serviço regular entre Ásia e África esta via de comunicação, acessível graças às mudanças climáticas.

A Cosco, um gigante do setor sob controle estatal, disse em um comunicado que seu navio mercante "Yong Sheng" havia partido no sábado de Tianjin (norte da China) com uma etapa prevista pela chamada "passagem Norte-Leste".

O trajeto pelo Ártico encurta em dez dias os trajetos dos barcos da China, o primeiro exportador mundial de bens manufaturados, rumo à União Europeia (UE), seu principal sócio comercial.

Esta rota oceânica fica inutilizável a maior parte do ano, mas o aquecimento global permite atualmente a passagem durante o verão.

O "Yong Sheng" inaugurou esta rota em 2013 e voltou a percorrê-la em 2015, com uma viagem de ida e volta à Europa em 55 dias.

Outros dois cargueiros chineses, o "Tian Xi" e o "Xiang Yun Kou", farão o périplo em agosto, disse a Cosco.

A China não é um país ribeirinho do Ártico nem tem reivindicações territoriais na zona, mas entrou há três anos como membro observador do Conselho do Ártico, um fórum intergovernamental.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos