Grã-Bretanha dobra número de instrutores militares no Iraque

Washington, 20 Jul 2016 (AFP) - A Grã-Bretanha irá dobrar a mobilização de suas tropas para treinar as forças iraquianas e curdas para lutar contra o grupo Estado Islâmico, disse o ministro da Defesa, Michael Fallon, à imprensa nesta quarta-feira (20).

O adicional de 250 homens elevará a mais de 500 o contingente britânico de conselheiros, afirmou, enquanto ministros aliados se encontravam em Washington para planejar os movimentos contra os extremistas.

"Nós iremos mandar um adicional de 250 tropas para esse local nas próximas semanas", disse Fallon.

"Outros país estão sendo questionados para que olhem para suas contribuições e vejam o que mais podem fazer".

Anteriormente, o secretário de Defesa dos Estados Unidos, Ash Carter, disse que a coalizão liderada pelos EUA, que está lutando contra o grupo Estado Islâmico, estava elaborando um plano para libertar seus redutos remanescentes.

Juntamente com o poder aéreo, os instrutores militares estão ajudando o governo iraquiano, a milícia curda e os os combatentes da Síria anti-EI, empurrando os extremistas para Raqqa, Síria, Mossul e Iraque.

Lá, nos próximos meses, os comandantes esperam derrotar o "califado" do EI - seu "território do coração" - mas admitem que sua rede mais ampla será difícil de quebrar.

lby-dc/sg/cb/mvv

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos