Turquia suspende a Convenção Europeia de Direitos Humanos

Istambul, 21 Jul 2016 (AFP) - A Turquia anunciou que vai suspender a aplicação da Convenção Europeia dos Direitos Humanos durante a vigência do estado de emergência decretado depois da tentativa de golpe de Estado.

"A Turquia suspenderá a Convenção Europeia de Direitos Humanos à medida en que não seja contrário a suas obrigações internacionais, como a França fez depois dos ataques de novembro de 2015", anunciou o vice-primeiro-ministro Numan Kurtulmus.

A Turquia acordou nesta quinta-feira sob estado de emergência e com um apelo do presidente Recep Tayyip Erdogan para que o povo turco permaneça mobilizado em favor da democracia.

sjw-pt/ng/tjc/age/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos