Corpos de 14 pessoas executadas são encontrados em cidade líbia de Benghazi

Bengasi, Líbia, 22 Jul 2016 (AFP) - Um hospital da segunda cidade da Líbia, Benghazi, informou nesta sexta-feira ter recebido os corpos de 14 pessoas não identificadas, que provavelmente foram executados com um tiro na cabeça, um fato que a ONU chamou de "crime de guerra".

Os corpos foram encontrados na quinta-feira e transportados para o centro médico de Benghazi por membros do Crescente Vermelho, informou à AFP um médico do estabelecimento.

"Eles apresentavam ferimentos de bala na cabeça, o que poderia significar que essas pessoas foram executadas", disse o médico, que pediu anonimato.

O enviado da ONU para a Líbia, Martin Kobler, descreveu esta descoberta macabra como um "crime de guerra", enquanto que disse que estava "absolutamente chocado com a execução sumária de um certo número de pessoas em Benghazi".

A grande cidade no leste da Líbia é a cenário de violentos combates há dois anos entre as forças leais às autoridades com sede no leste e grupos islâmicos, incluindo do Estado Islâmico (EI).

As forças leais às autoridades do leste conquistaram terreno nos últimos meses em Benghazi, mas ainda não tomaram a cidade toda.

De acordo com o médico consultado pela AFP, os 14 corpos foram encontrados em uma área controlada por essas forças.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos