Tiroteio em hospital em Berlim não tem indícios de ser um atentado

Berlim, 26 Jul 2016 (AFP) - Um tiroteio foi registrado nesta terça-feira em um hospital de Berlim, anunciou à AFP um porta-voz da polícia local, indicando, no entanto, não haver indícios de que se trate de um atentado.

Segundo o jornal Bild, um médico foi baleado e o autor do ataque se matou em seguida.

O drama ocorreu no Hospital Universitário de Steglitz.

De acordo com o jornal Tagesspiegel, uma unidade especial da polícia se encontra na cena do crime.

Segundo as primeiras informações, um paciente do hospital disparou contra um médico e depois cometeu suicídio.

O médico se encontra em cuidados intensivos, mas não se tem notícias sobre seu estado de saúde.

A Alemanha se encontra num clima de tensão devido a vários ataques jihadistas e atos de violência ocorridos nos últimos dias.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos