PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Homem que tentou matar Ronald Reagan em 1981 será libertado

27/07/2016 11h01

Washington, 27 Jul 2016 (AFP) - O homem que tentou assassinar o presidente americano Ronald Reagan em 1981 será colocado em liberdade condicional, decidiu nesta quarta-feira um juiz federal.

John Hickley - internado em um hospital psiquiátrico há mais de 30 anos - poderá ser libertado a partir de 5 de agosto, e deverá residir permanentemente em Williamsburg (Virgínia), conforme ordenou o juiz Paul Friedman, de acordo com documentos judiciais obtidos pela AFP.

Hinckley tentou matar Reagan na saída do Hotel Hilton de Washington, em 30 de março de 1981.

Internacional