Tiroteio mata policial e fere outro em San Diego

Washington, 30 Jul 2016 (AFP) - Um policial morreu e outro ficou ferido em um tiroteio em San Diego, nos Estados Unidos, nesta sexta-feira, informou a chefe da Polícia local, Shelley Zimmerman, acrescentando que um suspeito de origem hispânica também está ferido.

"Ainda estamos investigando ativamente a cena do crime, incluindo a busca de qualquer possível suspeito remanescente", declarou Zimmerman, acrescentando que o suspeito ferido foi identificado posteriormente e agora está internado em estado crítico, devido a um ferimento a bala na parte superior do peito.

"Ao acontecer isso contra nossos agentes, vimos que é algo que esteve ocorrendo muitas vezes nessas últimas semanas em nosso grande país. É uma tragédia para todos", afirmou.

Os policiais comunicaram que estavam realizando uma operação de trânsito na quinta à noite e, pouco depois, pediram reforço.

Quando os outros agentes chegaram, acharam os colegas feridos. Um deles morreu no hospital.

Um deles, Jonathan DeGuzman, de 43, faleceu depois no hospital. O outro agente ferido saiu da sala de cirurgia, cedo nesta sexta, e deve sobreviver, tuitou o Departamento de Polícia.

O tiroteio aconteceu às 23h (3h, horário de Brasília) no bairro de Southcrest, no sudeste da cidade, informou o jornal San Diego Union Tribune.

Ainda não há indícios de que eles tenham sofrido uma emboscada. A polícia lançou uma operação de busca após o tiroteio.

Os Estados Unidos estão vivendo um clima de tensão desde o tiroteio contra policiais em Dallas e Baton Rouge, Louisiana.

Esses ataques são resultado da revolta na comunidade negra pela violência policial contra suspeitos afro-americanos.

O candidato republicano à presidência, o magnata Donald Trump, reagiu com dureza no Twitter e escreveu: "Dois policiais acabam de ser baleados em San Diego, um morto. Isso está ficando pior. As pessoas querem lei e ordem!".

Em seu discurso de proclamação como candidata democrata, ontem à noite, Hillary Clinton destacou a importância de aliviar as tensões raciais no país diante dos crescentes incidentes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos