EUA multam Goldman Sachs por obtenção ilegal de relatórios do Fed

Nova York, 3 Ago 2016 (AFP) - O Federal Reserve (Fed, banco central americano) multou em 36,3 milhões de dólares o banco Goldman Sachs por obter e distribuir inapropriadamente relatórios confidenciais do Banco Central, informou a instituição nesta quarta-feira.

O Fed sancionou a falta de controle do Goldman Sachs sobre um de seus executivos que obteve documentos confidenciais e com base neles aconselhou clientes.

Por este incidente o Goldman Sachs já havia sido multado em outubro do ano passado em 50 milhões de dólares por autoridades reguladoras do mercado financeiro de Nova York.

Os documentos tinham sido obtidos por um ex-funcionário da filial de Nova York do Fed, Rohit Bonsal, após ser contratado pelo Goldman Sachs en 2014.

Bonsal passou esses documentos a um de seus supervisores, Joseph Jiampietro, que os utilizou ilegalmente "para melhorar a situação do Goldman Sachs".

O Fed também empreendeu ações contra Jiampietro para multá-lo e impedi-lo de trabalhar no setor bancário.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos