PC Chinês reforça controle sobre suas juventudes

Pequim, 3 Ago 2016 (AFP) - O Partido Comunista Chinês (PCC) reforçará o controle sobre suas juventudes, que a partir de agora estarão diretamente sob o comando do presidente Xi Jinping, anunciou a imprensa oficial.

Segundo os observadores, esta decisão é um ataque contra os reformistas aliados do primeiro-ministro Li Keqiang.

O plano do Comitê Central do PCC prevê reduzir drasticamente o número de membros da Liga da Juventude Comunista (LJC) e deslocá-los para "regiões em que possam influenciar melhor a juventude" e "trabalhar de verdade com os jovens paa que sigam escrupulosamente o partido".

Das fileiras da LJC, fundada em 1920, saíram alguns dos atuais líderes chineses, como Li Keqiang ou o ex-presidente Hu Jintao, antecessor de Xi.

A organização, que contava em 2015 com 87 milhões de membros, quase tantos quanto o Partido Comunista, atua, na realidade, como uma facção dentro do mesmo e historicamente sempre foi mais favorável às reformas.

bfc-jug/nos/pc/age/cn

PRECISION CASTPARTS CORPORATION

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos