Irã executa 20 'terroristas' sunitas em um dia

Teerã, 4 Ago 2016 (AFP) - O Irã executou na forca em apenas um dia 20 membros de um grupo terrorista sunita acusados de assassinatos e de ameaças à segurança nacional, informou nesta quinta-feira a televisão pública em seu site.

"Estas pessoas cometeram assassinatos (...) mataram mulheres e crianças, causaram destruição, atuaram contra a segurança nacional e mataram autoridades religiosas sunitas em regiões curdas", afirmou o procurador-geral Mohamad Javad Montazeri na televisão pública IRIB.

O ministério iraniano dos serviços de inteligência informou nesta quarta-feira em um comunicado sobre 24 casos de ataques armados, explosões com bomba e roubos entre 2009 e 2012 cometidos pelo grupo "Tawhid e Jihad", que deixaram 21 mortos e quase 40 feridos no oeste do Irã.

Um total de "102 membros e partidários deste grupo foram identificados (...) alguns morreram em combates com a polícia, outros foram detidos. Alguns dos detidos foram condenados à morte e outros cumprem penas de prisão", acrescentou o ministério.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos