Israel acusa diretor de ONG em Gaza por desviar milhões de dólares ao Hamas

Ashkelon, Israel, 4 Ago 2016 (AFP) - O diretor em Gaza da World Vision, uma ONG cristã, foi detido por ter desviado milhões de dólares ao movimento islamita Hamas, anunciou nesta sexta-feira o serviço de segurança israelense Shin Bet.

Mohamed Halabi, um palestino, teria desviado a cada ano, desde 2010, 7,2 milhões de dólares para financiar o Hamas, segundo as autoridades israelenses.

Halabi foi detido em 15 de junho na passagem de Erez, que separa Israel da Faixa de Gaza, e foi acusado em 12 delitos, entre eles o de pertencer a uma organização terrorista e cumplicidade com o inimigo.

O Hamas é considerado por Israel, Estados Unidos e União Europeia uma organização terrorista.

A World Vision, organização presente no mundo inteiro, afirmou, por sua vez, não acreditar nas acusações israelenses contra seu funcionário na Faixa de Gaza.

dar-lal/nbz/pc.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos