Senadora americana defende manutenção de Guantánamo

Washington, 10 Ago 2016 (AFP) - A senadora Kelly Ayotte, uma republicana de alto perfil, defendeu nesta quarta-feira (10) a manutenção da prisão militar de Guantánamo, ao divulgar um relatório sobre os 107 detentos e ex-detentos para provar que fechar a instalação é um risco de segurança.

Há muito tempo uma crítica ferrenha do plano do presidente Barack Obama de fechar o centro de detenção, Kelly afirma que o relatório aponta o passado dos terroristas, mostrando o motivo pelo qual devem permanecer atrás das grades.

"O governo Obama prometeu transparência, mas esse novo relatório mostra porque têm sido tão relutantes a manter a promessa quando se trata dos detentos da baía de Guantánamo", declarou Kelly Ayotte, que disputa a reeleição de sua vaga pelo estado de New Hampshire este ano.

"Quanto mais os americanos entenderem sobre as atividades e filiações terroristas desses detentos, mais vão se opor aos planos terrivelmente equivocados do governo para libertá-los", denunciou.

Dos 76 presos ainda atrás das grades, 34 foram considerados aptos para serem transferidos para outros países, desde que sob certas condições.

Dez deles enfrentam julgamento criminal, entre eles os "Cinco 11/9", acusados de planejarem os atentados do 11 de Setembro.

O Pentágono lembrou que todas as informações divulgadas pela senadora estão publicamente disponíveis "há algum tempo".

"Em alguns casos, a informação está muitos anos desatualizada", afirmou a porta-voz do Pentágono, a tenente-coronel Valerie Henderson.

"O documento não contém todas as informações disponíveis em todos os sites do governo americano sobre cada detento", completou.

Desde 2009, quando assumiu a presidência, Obama promete fechar Guantánamo, mas seus esforços enfrentam a dura oposição dos congressistas republicanos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos