Itália ordena expulsão de tunisiano que planejava atentado à torre de Pisa

Roma, 12 Ago 2016 (AFP) - Autoridades italianas ordenaram nesta sexta-feira a expulsão de um tunisiano suspeito de planejar um ataque contra a Torre de Pisa, noticiou a imprensa local.

Bilel Chiahoui, de 26 anos, foi preso na quinta-feira depois de ter publicado mensagens nas redes sociais louvando aos autores dos atentados cometidos na Europa e afirmando que lançaria um ataque contra o famoso monumento, uma grande atração turística.

A ordem de expulsão foi assinada nesta sexta-feira por um juiz, segundo um informe policial que indicou que havia uma "prova de que o tunisiano simpatizava com o jihadismo extremista e com o EI", em referência ao grupo Estado Islâmico (EI).

Após os atentados na França e na Bélgica aumentaram os receios de que algum "lobo solitário" cometa um ataque na Itália.

Nas últimas semanas, vários suspeitos de ter vínculos com grupos extremistas foram expulsos da Itália.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos