Turquia recebeu 'sinais positivos' dos EUA sobre extradição de Gülen

Istambul, 12 Ago 2016 (AFP) - A Turquia anunciou nesta sexta-feira ter recebido "sinais positivos" de parte dos Estados Unidos sobre seu pedido de extraditar o pregador exilado Fethullah Gülen, acusado por ela de instigar o golpe de Estado frustrado de 15 de julho.

"Seguimos preparando documentos (para a extradição) e começamos a receber sinais positivos dos Estados Unidos", declarou o ministro turco das Relações Exteriores, Mevlüt Cavusoglu, sem fornecer mais detalhes.

Em uma coletiva de imprensa com seu colega iraniano, Mohammad Javad Zarif, o chefe da diplomacia turca disse que Ancara preparava novos documentos sobre Gülen para enviá-los a Washington, agora que "todos sabem que está por trás da tentativa de golpe".

A Turquia pede com insistência a Washington desde o golpe frustrado de 15 de julho a extradição do pregador turco, inimigo do presidente Recep Tayyip Erdogan, e critica os Estados Unidos por não responderem rapidamente ao pedido de extradição.

Os Estados Unidos pediram a Ancara que forneça provas, em vez de acusações, contra o pregador exilado na Pensilvânia desde 1999, que desmentiu estar por trás do golpe militar frustrado.

raz-pt/at/tjc/erl/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos