Prisão sul-africana coloca Pistorius sob vigilância anti-suicídio

Joanesburgo, 14 Ago 2016 (AFP) - O ex-atleta sul-africano Oscar Pistorius foi colocado sob vigilância para evitar uma tentativa de suicídio, depois de se ferir no pulso na semana passada na prisão, onde cumpre uma pena de seis anos pelo assassinato de sua namorada, informou neste domingo uma revista local.

Autoridades penitenciárias declararam à City Press que o ex-campeão paralímpico conta com vigilância 24 horas por dia e que as visitas de guardas a sua cela aumentaram.

Os serviços da prisão de Pretória, onde Pistorius cumpre uma condenação pelo assassinato de Reeva Steenkamp em fevereiro de 2013, declararam que o atleta de 29 anos foi hospitalizado no dia 6 de agosto "depois de ficar ferido ao cair de sua cama".

Mas a City Press informou, citando um detido, que foram encontradas lâminas de barbear em sua cela e que o ex-atleta cortou ele mesmo as suas veias.

As autoridades da prisão classificaram estas informações de "especulações" e iniciaram uma investigação que "está em uma fase avançada", declarou neste domingo o porta-voz dos serviços penitenciários, Singabakho Nxumalo.

Condenado em primeira instância a cinco anos de prisão pelo homicídio culposo de Steenkamp, já passou um ano na ala médica da prisão de Pretória antes de passar à prisão domiciliar.

Finalmente, condenado em apelação por assassinato, voltou à prisão no dia 6 de julho e deve cumprir uma pena de seis anos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos