Bombardeios contra hospital em região rebelde do Iêmen deixa vítimas (MSF)

Sana, 15 Ago 2016 (AFP) - A coalizão liderada pela Arábia Saudita bombardeou nesta segunda-feira um hospital em uma província sob controle rebelde no norte do Iêmen deixando várias vítimas, afirmou a ONG Médicos Sem Fronteiras (MSF).

A MSF "confirma que o hospital Abs (na província de Hajja) foi atingido por bombardeios aéreos hoje às 15h45 locais (09h45 de Brasília)", anunciou no Twitter.

"O número de mortos e feridos é desconhecido até o momento", acrescentou a ONG.

Seu porta-voz, Malak Shaher, confirmou o incidente e disse à AFP que a organização tem uma equipe própria neste hospital público desde 2015.

bur-lyn/srm/aoc/age/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos