Soldado é gravemente ferido por bomba no sul da Tailândia

Narathiwat, Tailândia, 15 Ago 2016 (AFP) - Um soldado ficou gravemente ferido nesta segunda-feira na explosão de uma bomba no extremo sul da Tailândia, onde opera a rebelião separatista considerada uma possível pista na investigação dos recentes atentados contra zonas turísticas do país.

"Um soldado ficou gravemente ferido por uma bomba que estava escondida na calçada" e que foi ativada em sua passagem, declarou à AFP Wiroge Boonkae, responsável da polícia local.

O ataque foi registrado quando quatro soldados realizavam uma patrulha em uma estrada da província de Narathiwat. Os outros soldados ficaram levemente feridos.

A bomba foi ativada à distância através de um sistema de rádio, explicaram à AFP os investigadores.

"Os culpados são, sem dúvida, os rebeldes locais", disse Wiroge.

Na noite de domingo, três artefatos explodiram em uma zona comercial da província vizinha de Yala, sem deixar feridos.

Estes últimos ataques, habituais no extremo sul, ocorrem dias depois de uma série de atentados com bomba em várias cidades da Tailândia, especialmente nas zonas turísticas de Hua Hin e Phuket.

bur-dth/alc/tjc.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos