Trump promete 'exame exaustivo' de imigrantes se for presidente

Nova York, 15 Ago 2016 (AFP) - O candidato republicano à presidência dos EUA, Donald Trump, divulgou seu plano antiterrorista, afirmando que vai implementar um "exame exaustivo" de imigrantes como uma maneira de proteger os Estados Unidos, além de suspender a imigração de alguns países.

"Devíamos admitir neste país apenas aqueles que compartilham nossos valores e que respeitam nosso povo", afirmou Trump, em um discurso em Ohio, no norte dos EUA, dedicado a seu programa de Política Externa.

"Na Guerra Fria, tínhamos uma análise ideológica. Já passou da hora de desenvolver uma nova triagem para as ameaças que enfrentamos hoje. Chamo isso de exame exaustivo", explicou.

"É hora de uma nova abordagem", defendeu o magnata, criticando uma série de ações diplomáticas e militares tomadas pelo presidente Barack Obama e pela ex-secretária de Estado e sua rival democrata na briga pela Presidência, Hillary Clinton.

"Geramos vazios que permitem ao terrorismo crescer e prosperar", continuou Trump.

"A política de Hillary Clinton permitiu oferecer um cenário mundial ao grupo Estado Islâmico", acrescentou.

"O governo de Trump estabelecerá um princípio simples, que se aplicará a todas as decisões relativas à imigração. Seremos firmes, inclusive radicais", prometeu.

Ele voltou a se comprometer a "suspender a imigração de algumas das regiões mais instáveis e perigosas do mundo, que têm antecedentes de exportar terrorismo".

No mesmo discurso, Trump disse ainda que "destruirá" o grupo Estado Islâmico (EI) e sua "ideologia de morte".

bur-sst/sg/tt

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos