Três pessoas morrem degoladas por fios de pipa na Índia

Nova Délhi, 17 Ago 2016 (AFP) - Um homem e duas crianças morreram em Nova Délhi degolados por fios de pipas empinadas durante as comemorações da Independência da Índia, informou a polícia nesta quarta-feira.

Esta tragédia levou o governo a proibir a fabricação, venda e armazenamento do tipo de fio utilizado para esse fim, particularmente cortante e resistente, coberto de vidro triturado, que nas competições servem para derrubar as pipas rivais.

Qualquer pessoa flagrada usando este tipo de fio - chamado manjha na Índia - pode ser condenada a cinco anos de prisão e ao pagamento de uma multa de 100.000 rupias (cerca de 1.500 dólares).

As crianças, de quatro e seis anos de idade, morreram em dois acidentes diferentes na capital.

"Ambos estavam de pé sobre veículos, com suas cabeças acima do nível dos tetos, quando (seus pescoços) foram alcançados por fios mortais", declarou à AFP Pushpender Kumar, delegado no oeste de Nova Délhi.

Um homem de 22 anos morreu em circunstâncias parecidas quando dirigia sua moto em um viaduto, segundo outro agente.

Ninguém foi detido.

Um policial e um menino de cinco anos ficaram gravemente feridos em acidentes similares.

As pipas, algumas das quais exibem as cores nacionais do país, são muito populares nas festividades do Dia da Independência da Índia, 15 de agosto.

Na semana passada, a Alta Corte de Nova Délhi alertou sobre os perigos destes fios especiais para pipas, lembrando que nos últimos anos causaram a morte de várias pessoas na capital e estados vizinhos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos