Washington: pequeno Omran é verdadeiro rosto da guerra síria

Washington, 18 Ago 2016 (AFP) - Os Estados Unidos destacaram nesta quinta-feira que a foto do menino Omran, ferido em um bombardeio na cidade de Aleppo, constitui o "verdadeiro rosto da guerra" na Síria.

"Quantos de vocês viram o vídeo ou a foto hoje deste menino. Ele tem uns cinco anos. Suponho que este menino jamais tenha passado um dia de sua vida longe da guarra, da morte, da destruição e da pobreza em seu país", declarou John Kirby, porta-voz do departamento americano de Estado.

As imagens do menino, sentado em uma ambulância e coberto de poeira e sangue, após um bombardeio sobre Aleppo, dominou as redes sociais.

"Não é preciso ser pai, e eu sou, para entender que este é o verdadeiro rosto do que de fato ocorre na Síria", disse Kirby.

O porta-voz do departamento de Estado afirmou que a comunidade internacional precisa encontrar uma solução.

Kirby reconheceu que o fato de haver "tanta gente envolvida no conflito o torna muito complexo". "Esta é uma das razões pelas quais o secretário de Estado (John Kerry) se sente tão frustrado com o que ocorre na Síria. É por este motivo que seguimos exortando a Rússia a trabalhar na série de propostas que lhes apresentamos", incluindo o fim das hostilidades.

Durante a visita de Kerry à Rússia em meados de julho, Washington e Moscou acertaram "medidas concretas", que permanecem ocultas, para combater os jihadistas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos