Alemanha adota novo plano de defesa civil para enfrentar catástrofes ou ataques

Berlim, 24 Ago 2016 (AFP) - O governo da Alemanha adotou nesta quarta-feira um plano de defesa civil, que inclui instruções para que a população estoque comida e água para vários dias, no caso de um atentado ou outro tipo de catástrofe, um projeto que recebeu crítica, mas também provocou piadas.

O último plano de catástrofes era de 1995, um periodo marcado pelo relaxamento das políticas de segurança depois da reunificação do país, destacou o governo em um comunicado.

"Depois de mais de 20 anos uma atualização era necessária", afirmou o Executivo.

O plano contém uma série de medidas para garantir o funcionamento do Estado em caso de crise para que a população tenha acesso a alimentos e medicamentos.

"Um ataque no território da Alemanha que exija a utilização de mecanismos de defesa convencionais é pouco provável", afirma o relatório elaborado pelo ministério do Interior.

"O país deve estar suficientemente preparado para a possibilidade de que uma ameaça se concretize", completa.

Uma das medidas propostas é a recomendação de armazenar reservas suficientes de água para cinco dias, equivalentes a dois litros diários. A população também recebe a recomendação de guardar comida suficiente para 10 dias.

O plano também contempla situações de emergência para o caso de interrupção do fornecimento de água ou energia elétrica e uma série de medidas de emergência em caso de ameaça química, atômica ou biológica, ou no caso de ataques cibernéticos.

A oposição criticou a iniciativa do governo e o Partido Verde acusou o Executivo de alimentar o medo da população.

O plano também teve grande repercussão na imprensa e provocou piadas nas redes sociais. O jornal popular Bild publicou listas dos alimentos mais propensos para o estoque, como pêssego desidratado e salsichas em lata.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos