Unasul propõe reunião para analisar impeachment de Dilma

Quito, 2 Set 2016 (AFP) - A União de Nações Sul-Americanas (Unasul) propôs, nesta quinta-feira (1º), uma reunião extraordinária para analisar a situação do Brasil, após o impeachment de Dilma Rousseff.

"A destituição da presidente Dilma Rousseff por parte do Senado do Brasil gera preocupação e tem implicações regionais, cujo exame justifica uma reunião extraordinária de chanceleres", expressou o organismo em um comunicado.

A instituição acrescenta que seu secretário-geral, o ex-presidente colombiano Ernesto Samper, está "fazendo consultas com os chanceleres da União", sem mencionar uma data.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos