G20 quer responsabilidades compartilhadas na recepção aos refugiados

Hangzhou, China, 5 Set 2016 (AFP) - O G20 pedirá a seus membros que "compartilhem responsabilidades" na recepção dos refugiados, um "problema global" que precisa de apoio financeiro, afirmou uma fonte diplomática europeia que teve acesso ao rascunho do comunicado final da reunião na China.

"Naturalmente temos que levar em consideração que é um tema que afeta soberania (...), não é uma obrigação, mas temos que compartilhar responsabilidades", disse.

De acordo com o diplomata, Argentina e Brasil foram relutantes em um primeiro momento a incluir a questão.

O texto final da reunião de cúpula de dois dias que termina nesta segunda-feira em Hangzhou será divulgado em algumas horas, mas a fonte diplomática europeia informou que também incluirá uma menção ao problema do 'dumping'.

O tema preocupa especialmente a Europa e os Estados Unidos, onde a China vende seu aço a um preço muito reduzido em detrimento dos produtores locais.

O texto inclui menções ao "fator negativo e aos subsídios, que provocam distorções no mercado", destacou o diplomata, antes de assegurar que a China se comprometeu a abordar a questão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos