Americano prefere ser preso do que viver com sua mulher

Washington, 7 Set 2016 (AFP) - Um americano originário de Kansas assaltou um banco com o objetivo de ser mandado à prisão e escapar de sua mulher, segundo uma denúncia levada a um tribunal desse estado do centro dos Estados Unidos.

"Prefiro estar preso que em casa", disse Lawrence Ripple à sua esposa Remedios, logo depois de terem brigado na última sexta-feira.

O homem, de 70 anos, foi imediatamente a uma agência bancária de Kansas City e entregou a um funcionário uma mensagem que dizia que ele tinha uma arma e exigia o dinheiro do caixa.

Após ter recebido cerca de 3.000 dólares, em vez de fugir, sentou-se na porta da agência bancária e esperou a chegada da polícia. Quando os agentes chegaram, o homem explicou que tinha cometido o crime porque não soportava continuar vivendo com sua esposa.

O dinheiro roubado foi devolvido ao banco e Ripple foi preso, como desejava.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos