Adolescente preso na França no auge da luta anti-terrorista

Paris, 11 Set 2016 (AFP) - Um adolescente de 15 anos foi preso em Paris após ser relacionado com um possível projeto de atentado, dois dias depois do desmantelamento de um "comando" de mulheres que planejavam um novo ataque extremista, informaram neste domingo fontes próximas à investigação.

O jovem, preso no sábado, está sendo interrogado pelos policiais da Direção Geral de Segurança Interior (DGSI), próximo de Paris, que investigam "um possível passo para a ação em resposta aos chamados da Síria para atacar a França", segundo uma fonte.

Os investigadores se concentram especialmente nas convocações do extremista francês do grupo Estado Islâmico (EI) Rachid Kassim, que, da zona sírio-iraquiana e através da internet, pede regularmente que realizem ataques na França.

Segundo uma fonte próxima à investigação, ele esteve em contato pelo sistema de mensagens criptografadas Telegram com uma das mulheres do "comando" desmantelado esta semana e que, segundo as autoridades, estava disposta a cometer um novo atentado.

O procurador de Paris, François Molins, considerou que essas mulheres estavam sendo "conduzidas da Síria" por extremistas do EI.

Há uma semana, foi encontrado um veículo carregado com bujões de gás no centro de Paris, reavivando o temor na França de um novo ataque após os cometidos há um ano e meio, deixando 240 mortos no país.

Depois de terem encontrado o carro várias prisões foram feitas, além do desmantelamento do "comando" feminino. Até agora, apenas uma mulher, cujas digitais foram encontradas no veículo, foi formalmente acusada.

pta-sde/aue/fff/chp/at/jvb/es/cb

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos