Resgatados 3.400 migrantes na costa da Líbia no fim de semana

Roma, 11 Set 2016 (AFP) - Um total de 3.400 migrantes foram resgatados durante este fim de semana na costa da Líbia, sendo 1.100 no domingo, anunciou a Guarda Costeira italiana, que coordena as operações de resgate nessa parte do Mediterrâneo.

Os migrantes resgatados neste domingo partiram da Líbia a bordo de oito lanchas pneumáticas sobrecarregadas e dois barcos de pesca.

Eles foram socorridos pelos navios dos serviços da Guarda Costeira e da Marinha italiana, por um navio britânico que participava da operação europeia anti-tráfico Sophia, um navio militar irlandês e diversos barcos humanitários.

Nesse sentido, o "Aquarius", fretado pelas organizações SOS Mediterrâneo e Médicos Sem Fronteiras (MSF), anunciaram ter resgatado 252 pessoas, incluindo mulheres e crianças muito pequenas.

Esperava-se que as mais de 2.300 pessoas resgatadas no sábado, que viajavam para a Itália em 18 embarcações improvisadas, chegassem na segunda-feira em diferentes portos da Sicília.

Segundo as estatísticas do Ministério do Interior italiano divulgadas na sexta-feira, 124.500 pessoas chegaram à costa italiana ao longo do ano, quase todas procedentes da África subsaariana. Uma quantidade quase similar a do mesmo período de 2015 (122.000).

Entretanto, a Itália tem que lidar esse ano com o fechamento das fronteiras no norte, que bloqueou o fluxo de migrantes pela península, um desafio para as estruturas de acolhida. No final de 2014, a Itália hospedava 66.000 pessoas; no fim de 2015, 103.000; e, agora, 155.000.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos