Níger: 38 militantes do Boko Haram morrem em operações do Exército

Niamei, 16 Set 2016 (AFP) - O Exército nigerino anunciou nesta sexta-feira que 38 membros do grupo extremista Boko Haram morreram e dois soldados ficaram feridos durante "operações de rastreamento" realizadas nesta semana pelos militares do Níger e do Chade na região de Diffa (sudeste nigerino).

"O balanço global provisório é o seguinte: do lado amigo, dois (soldados) levemente feridos. Do lado inimigo, 38 terroristas mortos", declarou pela televisão o porta-voz do Ministério da Defesa do Níger, coronel Moustapha Ledru.

"Grandes quantidades de armas e munições" pertencentes aos insurgentes também foram apreendidas, disse o coronel Ledru.

Ambos os exércitos realizaram "operações de rastreamento" depois dos "ataques" do Boko Haram nas zonas de "Toumour e Gueskerou em 12 e 14 setembro", explicou.

Em 12 de setembro, cinco militares nigerinos morreram e seis ficaram feridos em uma emboscada do Boko Haram 75 km ao norte de Diffa, perto da fronteira com a Nigéria.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos