Milhares fogem de incêndio em acampamento de imigrantes na Grécia

Atenas, 19 Set 2016 (AFP) - Milhares de imigrantes fugiam nesta segunda-feira (19) de um dos principais acampamentos de deslocados na ilha grega de Lesbos, em consequência de um incêndio deflagrado nas instalações, aparentemente intencional - informou a Polícia.

"Entre 3.000 e 4.000 imigrantes fugiram do acampamento de Moria", disse a Polícia à AFP, acrescentando que fortes ventos estão atiçando as chamas.

Cerca de 150 menores foram retirados do local e levados para instalações especiais para crianças em outra parte da ilha, acrescentou a Polícia.

Hoje, cerca de 60.000 refugiados e imigrantes vivem na Grécia. A maioria tenta chegar à Alemanha e a outros países ocidentais da UE, mas estão impedidos de viajar depois do fechamento das fronteiras nos Bálcãs e no Leste Europeu.

Em diferentes oportunidades, as organizações de defesa dos direitos humanos denunciaram as condições de vida insalubres nesses acampamentos.

A situação é especialmente crítica em Lesbos e em outras ilhas do Egeu próximas à Turquia, aonde a maior parte dos imigrantes chega.

Segundo dados do governo, há cerca de 13.000 pessoas em cinco das ilhas, em instalações planejadas para acolher 8.000 pessoas.

jph/ser/an/lmm./tt

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos