Trump acusa Hillary de defender uma Miss Universo com 'passado terrível'

Washington, 30 Set 2016 (AFP) - Donald Trump afirmou nesta sexta-feira que sua adversária Hillary Clinton fez a má escolha de defender, durante o primeiro debate presidencial, a ex-Miss Universo venezuelana Alicia Machado, a quem atribuiu um "passado terrível".

"A desonesta Hillary foi usada por minha pior Miss Universo", escreveu Trump no Twitter.

Além disso, incentivou que as pessoas procurem por uma suposta "fita de sexo" feita pela modelo, que o acusou de perseguição e humilhação nos tempos em que participou do concurso de Miss Universo.

"Hillary a apresentou como um 'anjo' sem investigar seu passado, que é terrível", afirmou o magnata.

Segundo o candidato republicano, Hillary ajudou Alicia Machado a conseguir cidadania americana apenas para usá-la durante o debate presidencial.

Nos minutos finais do tenso duelo verbal entre os dois candidatos na segunda-feira, Hillary usou Alicia para exemplificar a maneira desprezível com que o magnata costuma tratar as mulheres de um modo geral.

"Ele a chamou de 'Miss Piggy' e 'Miss Mucama' só porque é latina. Donald, ela tem um nome. O nome é Alicia Machado", afirmou Hillary.

"Ela agora é cidadã americana, e aposto que eu sei em quem ela vai votar em novembro", ironizou.

Em vez de deixar a polêmica para lá, Trump, que até o ano passado era coproprietário do concurso Miss Universo, retomou suas críticas, afirmando que Alicia foi com certeza "sua pior Miss Universo".

"Ela engordou muito e era um verdadeiro problema", declarou ao Fox News na terça-feira.

A campanha de Hillary também divulgou na internet um vídeo em que Alicia relata que tinha medo e se sentia intimidada por Trump na ocasião do concurso.

"Ele gritava comigo. Ele dizia: você é feia, você está gorda'", contou, acusando o republicano de manifestar "um profundo racismo".

Alicia, que está exibindo em suas redes sociais seu recém-tirado passaporte americano, chamou Trupo no Twitter de "rato nazista" e expressou seu apoio à candidata democrata: "@HillaryClinton arriba!".

Coroada Miss Universo em 1996, Alicia era uma bela jovem, mas com seus 1,70 metro quebrou o padrão de altura das vencedoras do concurso e logo ganhou peso. Trump a obrigou a fazer exercícios em público, cercada por jornalistas, para emagrecer, dizendo que ela "era uma pessoa que gostava de comer".

"Era uma espécie de circo, a 'miss Universo gorda', uma piada que me causou muito sofrimento", contou no vídeo.

Trump faz referências ao fato de Alicia ter posado para a revista Playboy México em 2006 e fazer sexo ao vivo num reality show espanhol.

Além disso, outras misses, como a Miss Suécia 2015, Camilla Hansson, ou uma participante do Miss Estados Unidos, Melissa Young, descreveram uma imagem totalmente diferente de Trump, dizendo que ele ajuda e trata as mulheres com respeito.

E também concordam com ele que o cuidado com o corpo faz parte da condição de ser 'miss'.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos