Após 18 dias, James renuncia como chefe de partido anti-imigração no Reino Unido

Londres, 5 Out 2016 (AFP) - A presidente do partido anti-imigração Ukip, Diane James, anunciou sua renúncia apenas 18 dias depois de ter substituído o emblemático Nigel Farage, reconhecendo que não tem "suficiente autoridade e apoio" dos legisladores e dos "representantes do partido".

"É evidente que não tenho suficiente autoridade, nem apoio, de todos os meus colegas membros do Parlamento Europeu e dos representantes do partido para implementar mudanças que eu considero necessárias", disse James em sua conta do Twitter.

Diane James foi eleita por militantes do Ukip (Partido da Independência do Reino Unido, na sigla em inglês) depois da saída de Nigel Farage, um dos promotores do Brexit. Ele deixou o cargo após a votação para a saída britânica da União Europeia, considerando que havia cumprido sua missão.

O Ukip se transformou na terceira força política britânica em 2015, com 3,8 milhões de votos, equivalentes a 12,6% do total, mas que deram apenas uma cadeira ao partido no Parlamento.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos