Espanha registra aumento do desemprego em setembro

Madri, 4 Out 2016 (AFP) - O número registrado de desempregados aumentou na Espanha em 22.801 pessoas em setembro, o que elevou o total a 3,72 milhões, anunciou o ministério do Emprego nesta terça-feira.

Nos últimos 12 meses, no entanto, o país teve uma queda de 373.745 entre os desempregados.

O ministério não divulga um percentual de desemprego e contabiliza apenas as pessoas inscritas nas agências de trabalho.

De acordo com o Instituto Nacional de Estatísticas, que divulga dados trimestrais e inclui os não registrados, o desemprego afetava no fim de junho 4,57 milhões de pessoas, 20% da população ativa.

Este é o segundo maior índice da Eurozona, atrás apenas da Grécia, que em maio registrou uma taxa de desemprego de 23,5%, o último dado disponível.

A taxa de desemprego está em queda desde 2013 na Espanha, quando chegou a se aproximar de 27%.

emi-avl/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos