Paquistão adota lei contra 'crimes de honra'

Islamabad, 6 Out 2016 (AFP) - O Parlamento paquistanês adotou nesta quinta-feira uma lei que permite processar os autores de "crimes de honra" e condená-los à prisão perpétua, inclusive se outros familiares da vítima os perdoarem.

Os crimes de honra "roubam a vida de centenas de pessoas todos os anos", explica o texto legislativo, que afirma que a medida era "necessária para impedir que estes crimes sejam cometidos de forma reiterada".

Centenas de mulheres são assassinadas todos os anos no Paquistão por seus familiares sob o pretexto de que elas teriam manchado a honra da família.

ia-ga-st/aph/ger/prh/jz/age/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos