Geórgia começa a votar em legislativas

Tbilisi, 8 Out 2016 (AFP) - A Geórgia votava neste sábado para eleger seus deputados em eleições marcadas pelos dois partidos rivais pró-ocidentais, cuja coabitação parlamentar pode provocar uma crise política neste país do Cáucaso.

Os dois partidos favoritos, a formação no poder Sonho Georgiano do multimilionário Bidzina Ivanishvili, e o Movimento Nacional Unido (MNU), fundado pelo ex-presidente Mikhail Saakashvili no exílio, mantêm uma pequena margem de diferença, segundo as pesquisas.

A campanha eleitoral se desenvolveu em um clima tenso, durante o qual foi registrado um atentado e um tiroteio em um comício.

Os colégios eleitorais abriram às 04h00 GMT (01h00 de Brasília) e os primeiros resultados serão anunciados na noite deste sábado.

Diante do complexo sistema eleitoral do país, o resultado definitivo pode, no entanto, ser anunciado no fim de novembro.

Observadores da Organização para a Segurança e a Cooperação na Europa (OSCE) estarão presentes nas eleições desta ex-república soviética, candidata à União Europeia e à Otan, que travou uma guerra contra a Rússia em 2008.

No total, 3,5 milhões de eleitores estão convocados às urnas.

im-mp/all/kat/plh/ia/es.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos