Trump minimiza declarações sobre mulheres e Hillary rejeita desculpas

Saint Louis, Estados Unidos, 10 Out 2016 (AFP) - O candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, afirmou neste domingo que suas degradantes declarações divulgadas na semana passada sobre as mulheres foram "conversa de vestiário", mas sua adversária, a democrata Hillary Clinton, rejeitou o pedido de desculpas.

"Certamente não estou orgulhoso disto. Mas foi uma conversa de vestiário", disse Trump, mas Hillary Clinton afirmou que o conteúdo do diálogo mostra que "este é Donald Trump", reforçando que o candidato conservador "não está capacitado" para ser presidente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos