Americano funcionário de ONG é sequestrado no Níger

Niamei, 15 Out 2016 (AFP) - Um americano que trabalha em uma ONG foi sequestrado nesta sexta-feira à noite (14), na cidade nigerina de Abalak, na região de Tahoua - disse uma fonte de segurança à AFP.

De acordo com a mesma fonte, que pediu para não ser identificada, "um americano trabalhando para uma ONG foi sequestrado nesta sexta, por volta das 21h (17h, horário de Brasília), em Abalak. Ainda é muito cedo para determinar a identidade dos sequestradores, que seguiram para o Mali. As autoridades deflagraram alerta máximo na zona".

"Pelo menos duas pessoas morreram no tiroteio" registrado no momento do sequestro, acrescentou a fonte de segurança, sem informar a identidade das vítimas.

"A perseguição está em marcha. Todas as vias que levam a Mali estão vigiadas", acrescentou a fonte.

É a primeira vez que um cidadão americano é sequestrado no Níger.

A região de Tahoua é conhecidamente instável. No dia 7 de outubro, 22 soldados nigerinos morreram na zona em um ataque de homens procedentes do Mali contra um campo de refugiados malineses em Tazalit.

Para impedir a entrada de grupos armados a partir do Mali, o Níger deslocou um importante contingente ao longo de sua fronteira com o país vizinho.

bh-pgf/mba/tt/lr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos