Principais derrotas do EI na Síria e no Iraque

Beirute, 1 Nov 2016 (AFP) - O grupo extremista Estado Islâmico (EI), que enfrenta nesta terça-feira as forças iraquianas em Mossul, seu bastião no Iraque, em 2014 chegou a controlar vastas regiões neste país e na Síria, mas depois sofreu grandes reveses.

Seu território diminuiu 16% desde o início deste ano, a 68.300 km2, indicou no início de outubro o instituto americano IHS. Em 2015, o EI já tinha perdido 14% do terreno conquistado, segundo esta mesma fonte.

- Síria -- KOBANE: cidade curda, situada na fronteira com a Turquia, Kobane se tornou um símbolo da luta contra o EI, que foi expulso de lá em 26 de janeiro de 2015 após mais de quatro meses de combates contra as forças curdas com o apoio de bombardeios da coalizão internacional antijihadista.

- TAL ABYAD: situada na província de Raqqa (norte), Tal Abyad foi retomada pelas Unidades de Proteção Popular (YPG, organização armada curda) em 16 de junho de 2015. Cidade-chave para levar provisões a Raqqa, bastião do EI na Síria, Tal Abyad era um dos pontos de passagem informais com a Turquia para o trânsito de armas e combatentes.

- PALMIRA: esta antiga cidade situada 200 km ao leste de Damasco foi recuperada em 27 de março de 2016 pelo exército sírio, com o apoio da Rússia e do grupo militar libanês Hezbollah. O EI tinha tomado Palmira em maio de 2015 e se empenhou em destruir parte do seu rico patrimônio arqueológico, listado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco.

- MINJEB: em 6 de agosto de 2016, as Forças Democráticas Sírias (FDS), coalizão árabe-curda apoiada pelos Estados Unidos, se apoderaram de Minjeb (norte), cidade controlada desde 2014 pelo EI que era um lugar-chave para receber provisões vitais para a organização.

- JARABLOS: em 24 de agosto, rebeldes apoiados pela Turquia recuperam Jarablos, na fronteira turco-síria, no âmbito de uma operação do exército turco que tinha ao mesmo tempo como alvos o grupo jihadista e as milícias curdas.

- FRONTEIRA TURCO-SÍRIA: em 4 de setembro, as forças turcas e os rebeldes expulsam o EI das suas últimas posições ao longo da fronteira.

- DABIQ: em 16 de outubro, rebeldes apoiados pela Turquia tomaram o controle de Dabiq, cidade próxima à fronteira turca. Esta derrota tem um forte significado simbólico para os jihadistas pois, segundo uma profecia do Islã, o exército dos muçulmanos, ameaçado por uma horda de infiéis, foi dizimado, mas finalmente conseguiu triunfar em Dabiq.

- Iraque -- TIKRIT: situada 160 km ao norte de Bagdá, Tikrit foi recuperada em 31 de março de 2015 pelas forças iraquianas durante uma operação na que participaram o Irã, através das milícias xiitas, e os Estados Unidos, que dirige a coalizão internacional antijihadista.

- SINJAR: em 13 de novembro de 2015, as forças curdas apoiadas pela coalizão recuperaram Sinjar (norte), cortando uma rota estratégica de comunicação dos jihadistas entre o Iraque e a Síria. O EI tinha se apoderado do lugar em agosto de 2014, cometendo múltiplas atrocidades contra a população, integrada majoritariamente pela minoria yazidi.

- RAMADI: cidade situada 100 km ao oeste de Bagdá, Ramadi foi retomada em 9 de fevereiro de 2016. Os jihadistas controlavam o local desde 2015.

- FALUJA: primeira cidade iraquiana que caiu nas mãos do EI em janeiro de 2014, Faluja (50 km ao oeste de Bagdá) foi retomada pelo exército em 26 de junho.

- QAYYARAH: em 25 de agosto, as forças iraquianas apoiadas pela coalizão retomaram Qayyarah, cidade situada 60 km ao sul de Mossul que dispõe de uma importante base aérea.

- CHARQAT: em 22 de setembro, as forças iraquianas recuperam Charqat, localidade situada 80 km ao sul de Mossul.

- QARAQOSH: No final de outubro, as forças iraquianas retomaram a cidade cristã de Qaraqosh, situada cerca de 15 km ao sul de Mossul.

- MOSSUL: em 1 de novembro, o exército iraquiano entra pela primeira vez em Mossul, pelo setor de Judaidat Al Mufti (leste).

acm-mer-jba/vl/eg/age/db/mvv

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos