Dois policiais americanos mortos em 'emboscadas' em Iowa

Washington, 2 Nov 2016 (AFP) - A Polícia capturou um homem branco de 46 anos suspeito da morte de dois policiais em uma "emboscada", em ataques separados no estado americano de Iowa nesta quarta-feira, informaram as autoridades.

Scott Michael Greene de Urbandale - um subúrbio da capital do estado, Des Moines - foi capturado em menos de duas horas após a polícia ter divulgado seu nome, informaNdo que estava procurando por ele. A Polícia advertiu que Green deveria ser considerado armado e perigoso.

"Nós achamos que ele tem informações essenciais para concluirmos este caso. Não podemos dar mais detalhes neste momento. Mas, ele é definitivamente alguém que queremos contactar", informou mais cedo em uma coletiva de imprensa o sargento de polícia de Des Moine, Paul Parizek.

A Polícia informou que dois oficiais foram mortos em uma "emboscada" na madrugada desta quarta-feira, com imagens de um dos carros da polícia com furos de balas na porta do passageiro da frente.

"Não parece ter havido qualquer interação entre esses agentes e o covarde que os assassinou", informou o sargento Paul Parizek, da polícia de Des Moines, durante uma coletiva de imprensa.

As autoridades informaram que um membro da polícia de Urbandale foi encontrado morto às 01h00 (04h00 de Brasília).

Vinte minutos depois, um segundo policial de Des Moines foi encontrado com um tiro em uma interseção de cerca de três quilômetros. A imprensa americana informou que o oficial morreu após ser levado para o hospital.

Parizek informou à imprensa que a Polícia iria trabalhar em duplas na sequência dos tiroteios

"Há um claro e presente perigo para os oficiais de polícia e nós duplicamos nossos policiais" para que ninguém trabalhe sozinho, declarou.

Uma série de dicas e pistas atraiu os investigadores a Greene, informaram os oficiais, embora eles neguem comentar sobre o motivo das mortes.

"Vocês sabem que normalmente nessas investigações nós não compreendemos os motivos até terminamos e que, às vezes, não conseguimos entender qual o motivo deles, ou eles nem compartilham isso conosco", disse Parizek.

O caso marca a primeira vez que um policial de Des Moines foi morto em serviço desde que dois policiais foram abatidos em 1977, informou o portal The Des Moines Register.

Vários policiais foram mortos nos últimos meses nos Estados Unidos. Em julho, cinco policiais foram mortos em Dallas (Texas, sul) e três outros morreram em Baton Rouge (Louisiana, sul).

Em ambos os casos, eles foram mortos por veteranos de guerra negros que pegaram em armas para vingar as mortes de cidadãos afro-americanos em operações policiais.

acb-bfm/jm/pr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos