Milhares de manifestantes exigem em Seul renúncia da presidente

Seul, 5 Nov 2016 (AFP) - Milhares de sul-coreanos se manifestaram neste sábado em Seul, em meio a um grande dispositivo de segurança, para exigir a renúncia da presidente Park Geun-Hye, envolvida em um escândalo político-financeiro.

Os manifestantes, levando cartazes e gritando palavras de ordem contra a presidente, tentaram chegar à Casa Azul, sede da Presidência, vigiados por 20.000 policiais.

A manifestação ocorreu um dia após Park Geun-Hye pedir desculpas em uma mensagem na televisão, na qual anunciou que responderá às perguntas da Procuradoria sobre o caso.

Park Geun-Hye é acusada de ter estado sob a influência de uma conselheira oculta, Choi Soon-Sil, que teria aproveitado sua proximidade com a presidente para obter dinheiro dos grandes conglomerados industriais.

Choi foi formalmente detida na quarta-feira por fraude e abuso de poder.

Park, cuja popularidade é de apenas 5% de opiniões favoráveis, reconheceu em seu discurso de sexta-feira a responsabilidade no escândalo que envolve sua confidente e amiga de 40 anos.

A presidente reconheceu "negligência" e falta de vigilância, mas negou ter caído nas mãos de uma seita, como afirmam alguns meios de comunicação.

O que mais chocou a opinião pública são as acusações de interferência em assuntos de Estado e o acesso de Choi a documentos confidenciais, apesar de não ocupar nenhum cargo oficial.

"Terá que renunciar, pois perdeu qualquer autoridade moral de presidente", afirmou um manifestante à AFP.

Na sexta-feira, após o discurso, uma parte da oposição pediu mudanças substanciais e advertiu que, se não ocorrerem, lançaria um movimento para exigir a renúncia da presidente.

Contudo, os analistas consideram pouco provável que Park renuncie e acreditam que terminará seu mandato com uma legitimidade diminuída, fragilizada pelo escândalo Choi, pelo aumento do desemprego e pelas tensões militares com a Coreia do Norte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos