Temer: vitória de Trump não muda nada na relação Brasil-EUA

Brasília, 9 Nov 2016 (AFP) - O presidente brasileiro Michel Temer afirmou nesta quarta-feira que a vitória de Donald Trump não muda nada na relação bilateral com os Estados Unidos e se declarou convicto de que o presidente americano eleito levará em conta as "aspirações de todo o povo americano".

Na primeira reação de um país da América Latina à eleição de Trump, Temer afirmou que "é claro que o novo presidente que assume terá de levar em conta todas as aspirações de todo o povo americano".

"Eu tenho dito que a relação do Brasil com os Estados Unidos e os demais países institucional, ou seja, de Estado para Estado", afirmou, no Twitter.

"Não muda nada na relação do Brasil com os Estados Unidos", acrescentou, dessa vez falando à rádio Itatiaia.

Temer enviou a seguinte nota de felicitações a Trump:

"A Sua Excelência o Senhor

Donald J. Trump, Presidente eleito dos Estados Unidos da América.

Senhor presidente eleito, felicito-o pela eleição para Presidente dos Estados Unidos. O Brasil e os Estados Unidos são duas grandes democracias que compartilham valores e mantêm, historicamente, fortes relações nos mais diferentes domínios. Estou certo de que trabalharemos, juntos, para estreitar ainda mais os laços de amizade e cooperação que unem nossos povos.

Desejo-lhe pleno êxito no governo dos Estados Unidos".

Os Estados Unidos são o segundo maior sócio comercial do Brasil, com um intercâmbio bilateral de 50,5 bilhões de dólares em 2015, e é o primeiro investidor externo direto com um estoque de 116 bilhões de dólares, segundo dados oficiais.

mel-dw/js/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos