Três hospitais são bombardeados no norte da Síria

De Beirute

  • Ammar Abdullah/Reuters

    Sala de cirurgias fica destruída após bombardeio que atingiu hospital em Atareb, na Síria

    Sala de cirurgias fica destruída após bombardeio que atingiu hospital em Atareb, na Síria

Três hospitais em áreas rebeldes no norte da Síria foram atingidos por ataques aéreos durante as últimas 24 horas, informou nesta terça-feira o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

Os ataques fizeram feridos entre a equipe médica e os pacientes, disse o OSDH, sem ser capaz de determinar se eles tinham sido realizados pela força aérea síria ou por seu aliado russo.

O hospital da cidade de Awijel, no oeste da província de Aleppo, foi alvo de bombardeios na madrugada desta terça-feira, de acordo com a mesma fonte.

Na segunda-feira, outros dois hospitais - um em Kafr Naha e outro em Atareb - já haviam sido atingidos por ataques aéreos.

O hospital de Atareb foi bombardeado cinco vezes e os ataques destruíram salas de cirurgia e a farmácia, danificaram ambulâncias e feriram pessoal médico, de acordo com o Observatório.

Ambos os hospitais já haviam sido atingidos por ataques aéreos no passado.

Organizações de direitos humanos acusam o regime sírio e seu aliado russo de atacar deliberadamente hospitais em áreas controladas pelos rebeldes, o que Damasco e Moscou negam.

Mais de 300.000 pessoas foram mortas na Síria desde o início do conflito em 2011.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos