Parlamento israelense aprova em voto preliminar a legalização das casas de colonos na Cisjordânia

Jerusalém, 16 Nov 2016 (AFP) - O Parlamento de Israel aprovou nesta quarta-feira em primeira votação o polêmico projeto de lei que legaliza as casas construídas sem autorização por colonos israelenses em terras privadas palestinas na Cisjordânia ocupada.

O projeto, muito criticado no exterior, recebeu 58 votos a favor e 50 contrários e contou com o apoio do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, que em um primeiro momento fez oposição.

O projeto, que envolve entre 2.000 e 3.000 casas na Cisjordânia, deve ser votado três vezes para virar lei.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos