Trump evita a imprensa e vai jantar com a família

Nova York, 16 Nov 2016 (AFP) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, conseguiu evitar a imprensa na terça-feira à noite ao deixar a Trump Tower, Nova York, pela primeira vez em vários dias para jantar com a família.

A porta-voz do magnata, Hope Hicks, informou às 18H15 (21H15 de Brasília) aos repórteres que acompanham tudo o que acontece no prédio - residência e sede da empresa de Trump - que não aconteceria nenhuma entrevista coletiva durante a noite.

Uma hora mais tarde, uma longa caravana de carros, incluindo uma ambulância, deixou o edifício. Hicks não explicou se o futuro presidente também havia deixado o arranha-céus.

Mas pouco depois a jornalista Taylor Rigg, da Bloomberg News, que estava jantando no restaurante 21 Club, observou a chegada do bilionário com parte de sua equipe de transição e divulgou uma imagem no Twitter.

Trump recebeu aplausos no local, segundo a repórter.

O magnata, que passou quase duas horas no restaurante, estava acompanhado pela esposa Melania, a filha Ivanka com seu marido Jared Kushner, além dos filhos Donald Jr. e Eric Trump, de acordo com o canal NBC.

A porta-voz terminou por confirmar que Trump estava jantando com a família.

"Não tinha conhecimento deste deslocamento", disse Hicks à imprensa.

O presidente eleito também usou o Twitter para negar os boatos sobre as supostas divergências na formação de seu governo.

"Processo muito organizado enquanto tomo decisões sobre o governo e outras posições. Sou o único que sabe quem são os escolhidos", escreveu na rede social.

Trump não concedeu nenhuma entrevista coletiva desde a que concedeu imediatamente depois de sua vitória em 8 de novembro.

pool-bur/fp

CBS CORPORATION

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos